WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

"o-que-e-a-planta-nim-e-suas-propreidades"

Plantio do Nim: benefícios, clima, solo, toxidade e temperatura ideal

Cultivado em inúmeras regiões do País, o Nim, além de utilizado como alimento em algumas regiões do mundo, é amplamente usado, principalmente, como planta medicinal. É possível encontrar no mercado uma gama de produtos, como sabonetes, dentifrícios, creme para a pele, xampu e creme condicionador para os cabelos, todos apresentando o Nim em sua composição química. Quando adicionado em xaropes, ele produz efeito antitussígeno e expectorante, combate a asma, enfisema pulmonar, bronquite, sinusite, úlcera e gastrite, infecções uterinas e impotência sexual. Os extratos da folha da planta são base para a fabricação de produtos comerciais utilizados para diabetes, cura de problemas dermatológicos, espinhas e acne, além de infecções bacterianas e virais, antisséptico, purificador do sangue, vermes intestinais e malária crônica. Fora do Brasil, principalmente na Índia e no Paquistão, existem produtos à base do óleo da amêndoa do Nim, indicado como anti-hiperglicêmico, antisséptico, calmante, cicatrizante de ferimentos, sedativo local e contraceptivo.

Nim - sistema de propagação das mudas, plantio e manejo da cultura

Uma muda de boa qualidade é essencial para o sucesso do cultivo de nim. Para que consiga alcançar seus objetivos, então, é necessário que o produtor possua alguns conhecimentos básicos sobre as etapas de produção do Nim, como a forma sistemática de propagação das mudas, a forma como se processa o plantio e como deverá ser o manejo da cultura do Nim. Sem este conhecimento prévio, o produtor poderá por a perder todo o seu investimento.

Plantas medicinais? Atenção à toxocologia!

Antes de fazer qualquer preparação com as plantas medicinais, primeiramente é preciso conhecê-las para saber identificar qual é a mais indicada para determinado sintoma ou doença. “Porém, tão importante quanto conhecer os efeitos benéficos das plantas medicinais sobre o organismo humano é saber analisar essas plantas com relação à toxicologia, pois, muitas vezes, intoxicações podem ocorrer”, afirma Alessandra Azis, professora do Curso CPT Farmácia Viva - Princípios Ativos, Identificação e Utilização de Plantas Medicinais.

Sistema hidropônico de cultivo de hortaliças e plantas medicinais

O sistema hidropônico de cultivo de hortaliças e plantas medicinais, condimentares e aromáticas, é a melhor alternativa para atender a um público cada vez mais exigente em relação a qualidade das plantas, higiene, ausência de resíduos de agrotóxicos e alto teor de princípios ativos. Nesse sistema, as plantas são cultivadas sem contato com o solo, utilizando apenas solução nutritiva para promover o seu crescimento. Com o uso de água de boa qualidade, as plantas não sofrem contaminação por organismos nocivos à saúde.

Nim: a extraordinária planta medicinal e inseticida natural

Eficiente no controle de pragas agrícolas, o Nim não polui o meio ambiente e não intoxica os aplicadores, tornando-se um grande inseticida natural. Conhecida na Índia, há mais de dois mil anos, a árvore denominada Nim (Azadirachta indica A Juss), tem sido utilizada como planta medicinal no tratamento de uma infinidade de doenças

Produção comercial de Agapanto - propagação, cultivo, tratos culturais e cultivo em vasos

Planta ornamental, apesar de sua rusticidade, o Agapanto é uma nativa da África do Sul. Possui características de clima subtropical e é muito encontrado em jardins do sul e do sudeste por gostar e tolerar climas frios. Para se desenvolver satisfatoriamente, o Agapanto precisa de solo rico em matéria orgânica. O nome Agapanthus, em latim, significa "flor do amor" e chama mesmo a atenção no jardim, por suas hastes florais de quase 1 m de altura. No auge da beleza, que acontece durante a primavera e o verão, o Agapanto apresenta inflorescências globosas, compostas por inúmeras flores azuladas. A planta é perfeita na separação de plantas altas em jardins e também para embelezar paredes exeternas e muros.

Regras gerais para a colheita das plantas medicinais

As plantas medicinais, da mesma forma que outras plantas, como as hortaliças apresentam um ponto de colheita ideal, que é o momento de maior concentração de princípios ativos na planta. As substâncias com atividade terapêutica, ou princípios ativos, encontrados nas plantas, geralmente concentram-se em maior quantidade em um determinado órgão. Assim, em algumas plantas os princípios ativos estão em maior concentração nas folhas e hastes, em outras, estão nas flores.

Colheita das plantas medicinais: estádio do desenvolvimento, época do ano e hora do dia

A colheita das plantas medicinais varia conforme o órgão da planta que será coletado, seu estádio de desenvolvimento, a época do ano e a hora do dia, caso contrário, seus princípios ativos não serão bem aproveitados, prejudicando a sua função terapêutica. O estádio de desenvolvimento da planta medicinal é muito importante para que se determine o ponto de colheita, principalmente em plantas perenes e anuais de ciclo longo, em que a máxima concentração é atingida após certa idade e/ou fase de desenvolvimento.

Pragas e doenças afetam o Nim? Isso é possível?

Apesar de o Nim ter propriedades inseticidas, há certos insetos que se alimentam das diversas estruturas da planta. Muitos deles, felizmente não ocorrem no Brasil, afirma Edmilson José Ambrosano, professor do Curso a Distância CPT Cultivo e Uso do Nim, em Livro+DVD e Curso Online. Pragas que atacam o Nim: - Percevejo verde da soja (Nezara viridula):

Vai cultivar plantas medicinais em casa? Deposite carinho nessa ação!

A horta, por conter diversas plantas, que também são seres vivos, precisa de cuidados, como adubação, irrigação, poda, limpeza, entre outros. “É preciso que sejam feitos nos canteiros os tratos culturais com as plantas, e isso não consiste apenas em plantar uma muda e jogar água: é preciso algumas ações para que a planta se sinta cuidada, pois, como os seres humanos e os animais, ela também gosta de sentir esse carinho”, afirma Alessandra Azis, professora do Curso CPT Farmácia Viva - Princípios Ativos, Identificação e Utilização de Plantas Medicinais.

Quer mudar de vida e ter sucesso profissional? Vamos te ajudar!