WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Quais as vantagens da rotação de culturas?

As culturas rotacionadas alcançam altos rendimentos e garantem ao gado forragem de qualidade com baixos custos

Quais as vantagens da rotação de culturas?

Na rotação de culturas, são cultivadas diferentes culturas, na mesma área, de forma periódica. Na prática, ocorre uma sucessão sistematizada entre culturas criteriosamente escolhidas, grãos e gramíneas. O objetivo do sistema rotacionado de culturas é alcançar altos rendimentos, além de garantir ao gado forragem de qualidade, sem comprometer a fertilidade do solo e com baixos custos de mão de obra.

Solo em boas condições físicas


A rotação de culturas com alfafa e trevo melhora as condições físicas do subsolo, pois suas raízes são longas, com profunda penetração. Já a rotação com milho e batata melhora as condições físicas do solo da superfície.

Plantas daninhas exterminadas


As plantas daninhas, como capim-caranguejo, reduzem o rendimento das lavouras e causam sérios prejuízos à produção. Entretanto, quando são cultivados grãos e gramíneas em rotação, essas ervas daninhas são exterminadas.

Ataque de pragas reduzido


Normalmente, os insetos atacam uma cultura específica ou culturas relacionadas. Quando o cultivo dessas culturas ocorre várias vezes em uma mesma área, as pragas tendem a se multiplicar, pois encontram condições favoráveis para tal. Para evitar isso, basta rotacionar culturas que não são atingidas pela praga.

Doenças em plantas reduzidas


Assim como as pragas, as doenças tendem a acometer culturas específicas ou relacionadas quando cultivadas várias vezes na mesma área. Doenças bacterianas do tomate e da batata, ou mesmo a ferrugem em pequenos grãos contaminam o solo quando se pratica o sistema de uma safra. Para evitar isso, o melhor a fazer é praticar o sistema de rotação de culturas na área.

Produção sistematizada


O bom planejamento da rotação das culturas ajuda o produtor a saber exatamente o que deve ser feito a cada ano. Com essa sistematização, ele consegue realizar projeções mais precisas sobre o retorno do investimento e as despesas necessárias à produção. Sem falar da economia de insumos e do armazenamento das sementes por menor tempo.

Mão de obra melhor aproveitada


O sistema rotacionado de culturas permite ao produtor aproveitar melhor a mão de obra existente na fazenda, além de reduzir os custos por não necessitar de pessoal extra. Entretanto, devem ser selecionadas culturas que não entrem em competição entre si, como o milho, o trigo e a aveia, para que os trabalhadores gerem bons resultados sem aumentar os custos de produção.

Conheça os Cursos CPT da Área Agricultura:

Produção de Milho em Pequenas Propriedades

Produção de Milhos Especiais

Integração Lavoura, Pecuária e Eucalipto

Fonte: tecnologianocampo.com.br

Por Andréa Oliveira

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis E-book Dicas de Ouro Sobre Consórcio de Milho com Braquiária

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!