WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

O que fazer para as codornas botarem mais ovos?

No galpão de criação das codornas, devem ser sobrepostas gaiolas, com 1 metro por 30 centímetros de largura (cada), capazes de alojar até 15 fêmeas

O que fazer para as codornas botarem mais ovos?

Segundo Vera Maria Barbosa de Moraes, professora do Curso CPT Codornas - Recria e Reprodução, uma das vantagens da criação de codornas é o investimento em uma estrutura simples. Entretanto, as aves alcançam rapidamente a fase de reprodução e produção de ovos, de qualidade e em boa quantidade, quando manejadas corretamente. Fatores como alimentação e alojamento das aves, por exemplo, são essenciais para que as codornas botem mais ovos.

Alimentação


As codornas recebem dois tipos de ração: a ração inicial quando têm 18 a 20 dias de vida; e a ração de postura, constituída de 22% de proteína. Normalmente, uma codorna na fase adulta consome cerca de 25 gramas de ração por dia. Caso o produtor troque a marca da ração ou mude uma ração para outra, as aves devem passar por processo de adaptação, para não prejudicar o seu metabolismo, o que comprometeria a produção de ovos.

Reprodução


As codornas se reproduzem ao longo do ano indefinidamente. Basta um macho para cada cinco fêmeas, contanto que o macho tenha um dia de descanso. Além disso, o macho deve ser substituído, a cada dois anos, para que não ocorram possíveis problemas genéticos no plantel.

No acasalamento, as fêmeas devem ficar em contato com o macho por doze horas seguidas (no máximo). Após esse período, elas devem ser isoladas para não se estressarem. Caso contrário, o estresse pode comprometer a fertilização dos ovos.

Galpão


Tanto sítios como fazendas ou casas de campo são locais perfeitos para criar codornas, pois permitem a construção de galpões de alvenaria com cobertura de telha para proteger as aves do sol, da chuva e dos ventos diretos.

Sem falar que a área interna da estrutura deve apresentar boa circulação de ar (ventilação superior) para que a temperatura permaneça a 19°C. O conforto térmico favorece a fertilidade das codornas, o que aumenta o desempenho reprodutivo e produtivo das aves.

Gaiolas


Dentro do galpão, devem ser sobrepostas gaiolas, com 1 metro por 30 centímetros de largura (cada), capazes de alojar até 15 fêmeas. Dessa forma, as aves não competem entre si por alimento nem brigam, o que comprometeria seu potencial produtivo.

Além disso, principalmente as fêmeas, devem se manter aquecidas e protegidas dos ventos diretos. Para isso, as gaiolas devem se manter a uma altura adequada, que impeça o contato das aves com as correntes de vento e a umidade do solo.

As gaiolas também devem ser posicionadas umas em cima das outras, com espaço entre elas, para o depósito das fezes. Além disso, como as codornas botam seus ovos no chão, as gaiolas devem apresentar um leve declive no piso, direcionado para o fundo coberto com serragem, onde os ovos são aparados.

Conheça os Cursos CPT da Área Avicultura:

Codornas - Recria e Reprodução

Codornas - Iniciando a Criação

Avestruz - Reprodução, Cria e Recria

Fonte: canalrural.com.br

Por Andréa Oliveira

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis E-book Guia Geral de Criação de Codornas

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!