WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Fale com uma Especialista
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Artigos sobre a área Gado de Leite

Quais são as doenças reprodutivas mais comuns em bovinos?

Lucas Repolês Lourenço, professor do Curso CPT Gestão Zootécnica na Pecuária Leiteira, destaca que se o que o pecuarista deseja é obter sucesso e lucro com a criação de bovinos, é necessário realizar uma boa gestão de todo o rebanho e da produção como um todo, de forma prática e eficiente.

Quais as vantagens das instalações coletivas para bezerros?

Quando os bezerros são adequadamente manejados, o desempenho dos animais aumenta de forma significativa. Do nascimento ao desmame, os bezerros podem ser criados em instalações individuais ou podem ser criados em instalações coletivas. Ambas apresentam vantagens, principalmente quando os animais são criados em ambientes limpos e secos, o que lhes garante conforto e bem-estar.

Criação de gado: como fazer a escrituração zootécnica?

Com a escrituração zootécnica, o pecuarista avalia se os planos de ação estão sendo eficientes e se as metas estão sendo alcançadas. Todas as anotações devem ser avaliadas frequentemente para que nenhum erro passe despercebido. Caso seja identificado, é possível realinhar ou mudar as estratégias e otimizar os planos de ação para que ele possa ser corrigido.

3 principais raças de vaca leiteira taurinas criadas no Brasil

As raças de vaca leiteira taurinas apresentam elevado desempenho e alta produtividade. Embora elas sejam dóceis e apresentem boa conversão alimentar, elas não apresentam rusticidade, o que as torna mais sensíveis. Mesmo assim, por serem excelentes produtoras de leite, as vacas europeias são utilizadas em cruzamentos para geração de animais mais produtivos e resistentes.

Inseminação artificial em bovinos: quais as principais vantagens?

Luis Fonseca, professor do Curso CPT Inseminação Artificial em Bovinos – Convencional e em Tempo Fixo, contextualiza, dizendo que a inseminação artificial em bovinos, no Brasil, apresentou uma evolução muito grande nos últimos dez anos. Trata-se de uma biotecnologia aplicada na reprodução animal, tendo como principal objetivo a disseminação da genética de reprodutores de maior valor...

O alicerce da pecuária leiteira? Simples: produção de volumoso!

A produção de volumoso é o alicerce da pecuária leiteira e, antes de pensar na qualidade do volumoso que está sendo produzido, é preciso analisar se a quantidade é suficiente para alimentar o rebanho ao longo do ano, uma vez que a qualidade pode ser suprida com o fornecimento de concentrado.

Problemas digestivos em bovinos: timpanismo ruminal

O timpanismo ruminal em bovinos também é conhecido popularmente como meteorismo ruminal ou empanzinamento. Tudo começa quando gases se acumulam e distendem o rúmen e o retículo do animal. Normalmente, o ruminante produz poucos gases fermentativos, o que não causa problema algum.

Principais plantas tóxicas que causam morte súbita em bovinos

Adilson Aguiar, professor do Curso CPT Produção de Leite em Pasto, destaca que um adequado controle alimentar é fundamental para a criação do gado de leite em pastagens de forma eficiente e, consequentemente, para se alcançar bons resultados, tanto na produção de carne quanto na produção de leite.

Bois e vacas dormem? O sono afeta a produção de vacas leiteiras?

Dentre os padrões fixos de comportamento dos bovinos, o de deitar é considerado altamente prioritário principalmente para as vacas leiteiras. A deprivação do descanso pode induzir à frustração que se manifesta por comportamentos estereotipados, além de alterações no eixo hipotalâmico-hipofisário adrenal. Outras consequências incluem lesões traumáticas e outros danos físicos,...

Dicas de construção e manejo da esterqueira na pecuária leiteira

Na criação de gado de leite, uma estrutura chamada esterqueira, em algumas regiões, e chorumeira ou lagoa, em outras, serve para armazenar o estrume das vacas. Sua função não é o tratamento do esterco, mas sim o seu armazenamento por determinado tempo para que seja usado posteriormente como adubo.

Fique por dentro das novidades!