WhatsApp SAC (31) 98799-0134 WhatsApp Vendas (31) 99294-0024 Ligamos para Você Central de Vendas (31) 3899-7000
Como podemos te ajudar?
0

Seu carrinho está vazio

Clique aqui para ver mais cursos.

Quais as causas, os sintomas e o tratamento da pressão alta em cães?

Ao aferir a pressão de um cão, se ela estiver acima de 120/80 mmHg, é motivo de muita preocupação

Quais as causas, os sintomas e o tratamento da pressão alta em cães?

A pressão alta acomete não apenas aos seres humanos como também os cães. Ao aferir a pressão de um cão, se ela estiver acima de 120/80 mmHg, é motivo de preocupação, pois sem o tratamento adequado, o animal pode adquirir outros males, como alterações cardiovasculares, acidentes vasculares cerebrais, formação de trombos, problemas renais, ou até mesmo a morte.

Como é difícil detectá-la apenas por observação do animal, é importante visitar periodicamente o médico veterinário para acompanhar de perto a saúde do cão. Além disso, o pet deve realizar atividades físicas regulares e se alimentar de forma adequada. Se houver quaisquer mudanças no comportamento do cão, o profissional deve ser consultado imediatamente para avaliar o quadro de saúde do paciente.

Causas


Além de causar outros problemas de saúde como acima mencionado, a pressão arterial pode ser a causa de outros problemas de saúde, como doenças cardiovasculares, doenças renais crônicas e hipertireoidismo. O mesmo vale para o estresse, que pode causar hipertensão no cão. Quando submetido a situações estressantes, o organismo do animal libera adrenalina aumentando a frequência cardíaca e contraindo os vasos sanguíneos.

Sintomas


Não é nada fácil identificar uma pressão alta seja em humanos seja em cães. Trata-se de um mal silencioso, que se manifesta somente em estágios avançados. Muitas vezes, o cão já apresenta pressão alta, por longo período, sem que o tutor saiba. Com isso, alguns órgãos do animal já podem ter sido comprometidos. Por esse motivo, todas as vezes que o cão visitar o médico veterinário, é essencial aferir a pressão do animal.

Geralmente, a mensuração ocorre por meio de doppler vascular. Trata-se de um aparelho que amplifica o som da artéria. Também é utilizado um gel condutor, que aumenta a condução do som da artéria para o doppler. Não podemos nos esquecer do manguito, que realiza o bloqueio da artéria e garroteia o membro. Alguns veterinários utilizam a pera, que realiza a pressurização do manguito, e o esfigmomanômetro, que afere a pressão arterial em milímetros de mercúrio.

Tratamento


O tratamento da pressão arterial depende se o cão apresenta doenças cardiovasculares, renais ou em outros órgãos. Conforme o caso, o tratamento é realizado com inibidores de ECA (Enzima Conversora de Angiotensina). Em casos mais sérios, são prescritos diuréticos, betabloqueadores, bloqueadores de cálcio e/ou outros medicamentos mais fortes. Cada cão é tratado de forma específica, com dosagens e periodicidade das medicações próprias para cada caso. Daí a extrema necessidade de se consultar um bom médico veterinário.

Conheça os Cursos CPT da Área Pet:

Como Cuidar e Educar o seu Cão

Alimentação Natural para Cães e Gatos - Específico para Tutores

Primeiros Socorros para Cães e Gatos - Parada Respiratória e Cardíaca, Desmaios, Estado de Choque e Convulsões

Fonte: petz.com.br

Por Andréa Oliveira

Faça já o Download Grátis
Faça já o Download Grátis Pet - saiba tudo sobre raças e cuidados

Basta preencher os campos abaixo para receber o material por e-mail:

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.

Deixe seu comentário

Avise-me, por e-mail, a respeito de novos comentários sobre esta matéria.

O CPT garante a você 100% de segurança e
confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Seu comentário foi enviado com sucesso!

Informamos que a resposta será publicada o mais breve possível, assim que passar pela moderação.

Obrigado pela sua participação.

Últimos Artigos

Artigos Mais Lidos

Fique por dentro das novidades!